Há Bolachas para Bebé!

Finalmente estão no mundo! As nossas bolachinhas para bebés! Depois de um ano de testes de receitas, testes laboratoriais, finalmente nasceram! É um orgulho!

Porque é que resolvemos criar estas bolachas? Porque tudo aquilo que comemos deve ser nutritivo, não deve ser vazio. Se esta regra faz sentido em qualquer altura da vida, é na infância que deve ser seguida à risca. O sistema imunitário dos bebés só se começa a desenvolver autonomamente a partir dos 2, 3 meses. Tudo o que o bebé faz diferença no seu desenvolvimento, e é também o contacto com anticorpos que o sistema se desenvolve com mais força. Há especialistas que sugerem que o sistema imunitário só se desenvolve na totalidade entre os 12/14 anos.

Para que ele se desenvolva bem nada melhor do que o leite materno.

E quando o bebé começa a comer, tudo o que lhe damos para se alimentar vai contribuir para o seu desenvolvimento e saúde, ou não. No fundo isso é válido para todas as idades, para toda a vida. Por isso não deve ser dado nada que não o vá alimentar realmente, e isso significa: farinhas e açúcares refinados, químicos, corantes, conservantes, produtos lácteos ou fermentos.

O pediatra do meu filhote, antes da consulta dos 6 meses, alertou-me de que ele iria começar a comer e aconselhou-me as papas lácteas do supermercado e bolacha Maria. Para mim não fazia qualquer sentido dar-lhe comida em pó, empacotada, refinada, cheia de ingrediente estranhos e que dura anos na prateleira. Com todos aqueles ingredientes que eu não queria que ele comesse e que eu também não como. Tive de procurar por mim própria. Estava convencida que teria de haver outra solução, uma que fosse natural.. A minha avó, a minha bisavó, a minha trisavó, criaram imensas crianças saudáveis sem ir ao supermercado, era possível, era só voltar aos básicos.

E assim fiz. Até hoje, até sempre que for eu a alimentá-lo. O resultado é um menino forte, que nunca fica doente, forte, grande, calmo e bem disposto. Não há qualquer desculpa para não dar aos filhos o melhor. Falta de tempo não é desculpa: não há nada de mais importante do que a saúde deles.

Mas faltava um snack. Não havia também, por isso resolvi criar! Pusemos a mão na massa e fizemos estas bolachinhas super nutritivas. Para as de aveia escolhemos aveia integral sem glúten porque é anti-infamatória, fonte de energia, rica em fibra, vitaminas e minerais. Juntámos arroz integral, adoçamos com geleia de arroz (um tiquinho) e como gordura usamos óleo de coco, essa gordura maravilhosa.

Tivemos de usar erva-doce nas outras porque adoramos erva-doce! Reforça o sistema imunitário, previne cólicas, acalma e beneficia o sistema digestivo. Usamos farinha de arroz integral, farinha de araruta que é maravilhosa para a digestão, farinha de grão-de-bico riquíssima em proteínas e linhaça, para garantir os ácidos gordos essenciais. Como gordura usamos azeite virgem de Trás-os_Montes.

Parece ser fácil mas a verdade é que este processo de escolha de ingredientes, testes de textura, testes de sabor com o meu próprio bebé e outros bebés amigos e testes laboratoriais, chegamos a este resultado final que, sinceramente, é um orgulho!

Toda a equipa está de parabéns e todos os bebés já estão certamente a salivar!

Espero que os vossos filhotes gostem. Já pode comprar no site, enviamos para todo o mundo: http://www.thelovefood.pt

Leave a Reply