Hambúrgueres deliciosos de sementes de girassol

 

É difícil fazer hambúrgueres veganos que tenham textura. As sementes de girassol vêm resolver para sempre esse problema. Descobri que não são só boas para petiscar, assadas no forno! Demolhadas e trituradas podem ser muito cremosas ou então, se triturar um pouquinho menos, podem criar uma textura muito agradável ao dente!

Para além da textura, as sementes de girassol são só coisas boas: é uma excelente fonte de fibra, minerais e proteínas. Tem ainda um alto teor de Vitaminas do complexo B, E, K e A, que é quase o alfabeto todo, o que significa que é bom para o cérebro, é antioxidante e previne doenças cardiovasculares. E ainda tem gorduras das boas: ómegas 6 e 9. E isto é só uma parte do poder que estas sementinhas têm. Não se esqueça de as incluir na sua alimentação.

Considere o casamento sementes de girassol demolhadas + leguminosa uma base para fazer todos os sabores de hambúrguer que quiser: adicione courgette, pimento e manjericão, ou acelgas e cenouras, enfim, o que tiver no frigorífico. Estes ficaram uma maravilha, assim tal e qual escrevi aqui.

 

Para 8 hambúrgueres

  • 1 cebola grande
  • 2 dentes de alho picados
  • ¼ de pimento
  • 2 chávenas de sementes de girassol demolhadas há pelo menos 6 horas, sem a água da demolha e lavadas (demolhei apenas 1 chávena de sementes de girassol secas, que depois rende 2 chávenas)
  • 1 chávena de grão-de-bico cozido
  • ½ chávena de coentros (1/2 ramo)
  • 1 cenoura
  • 1 chávena de flocos de aveia finos
  • sal a gosto, marinho
  • 1 colher de sopa de pimentão doce
  • farinha a gosto (usei de espelta integral)
  • Refogue a cebola, o alho e o pimento num fio de azeite.

Junte estes ingredientes aos outros e triture tudo na Bimby, vel. 8, até estar uma pasta.

Pode triturar no processador de alimentos, ou no “pulse” ou perto da velocidade máxima, e limpe as paredes de vez em quando.

Quando estiver pronto deixe descansar 5 a 10mn, para a aveia absorver o excesso de água.

Faça bolinhas com as mãos, com ajuda da farinha se necessário, e achate-as na forma de hambúrguer.

Leve a uma frigideira com um fio de azeite ao lume ou leve ao forno a 200ºC durante 30 mn. Fica óptimo de ambas as maneiras.

O molho que aparece nas fotos é o Molho de Tahin, o meu preferido, e está no livro! 😉

4 Comments on Hambúrgueres deliciosos de sementes de girassol

  1. Mónica
    26 Janeiro, 2017 at 15:42 (10 meses ago)

    Na cozinha vegetariana e na cozinha vegana, que muito admiro, são usadas sementes com muita frequência! Problema: para quem tem diverticulite ingerir sementes é impensável! A ciência ainda não comprovou que fazem mal a quem tem problemas intestinais, mas os médicos não aconselham e eu já comprovei várias vezes: cada vez que ingiro sementes, no dia seguinte começam as crises de diverticulite tão horríveis! Será que há alguma alternativa para pessoas que não podem comer sementes, como eu?

    Responder
    • thelovefood
      27 Janeiro, 2017 at 18:42 (10 meses ago)

      Já experimentou demolhar e usá-las como referido na receita? Digerem-se muito mais facilmente do que cruas ou tostadas. Não lhe consigo garantir que irá resultar consigo, mas geralmente funciona. Também pode tentar substituir por cajus demolhados. Obrigada!

      Responder
  2. filipa leal
    29 Abril, 2017 at 21:21 (7 meses ago)

    Adorei o sabor e a textura. A dificuldade foi “triturar”, tentei na liquidificadora e, a pasta impedia a lâmina de rodar; acabei por triturar no “1,2,3” triturador. Talvez não seja a melhor forma… talvez fosse preciso algo mais liquido para agregar todos os constituintes da “pasta”…
    Obrigada pelas partilhas…
    love food
    love share
    beijinhos

    Responder

Leave a Reply