Já vos disse aqui que era uma grande bebedora de Coca-Cola. Todos os dias enfiava ora uma Light ora uma Zero pela goela abaixo. Já sabia que fazia mal quando a bebia, mas bebia na mesma (shame on me!). Não me dava para o Sumol nem para a Fanta, dava-me para Cola. Entretanto, como me tenho interessado mais sobre estas coisas de ser saudável, voltei a cair nas informações sobre os refrigerantes numa procura sobre mais dados sobre alimentação. As principais estão neste post que eu vos aconselho a ler/reler. Se gosta de Coca-Cola que não é Zero nem Light (ou seja, não tem aspartame), lembre-se que tem mais açúcar refinado do que aquele que deveríamos ingerir diariamente, o que não só faz engordar como aumenta os níveis de triglicérideos no sangue. Como o açúcar é transformado em gordura, pode causar doenças cardíacas, diabetes do tipo 2 e AVCs. Para além disso vários estudos concluíram que o ácido fosfórico aromatizante, presente nos ingredientes da Coca-Cola, pode causar osteoporose. Este ácido é tão forte e causa tanta acidez no sangue que vai “roubar” o cálcio dos ossos para neutralizar o ácido no organismo.
Nas crianças, o açúcar em excesso faz com que fiquem hiperactivas. E não é à toa que há cada vez mais crianças com diabetes e osteoporose.
Posto isto, só vos posso aconselhar a deixarem a Coca-Cola. A minha substituição é muito simples: tem o gás da Coca-Cola, um toque de limão e refresca igualmente bem! Quando me apetece beber porcaria o que eu faço é:

Um rodela de limão num copo
Uma colher de chá de açúcar de coco ou mascavado (ando sempre com açúcar na carteira)
Água com gás
Esmague o limão e o açúcar. Junte a água com gás e misture. Voilá!
Em qualquer café/restaurante/snack bar português lhe dão um copo com uma rodela de limão e uma Agua das Pedras. No Norte há quem chame esta combinação de “Pneu”.
Se lhe der a preguiça o melhor é pedir uma Água das Pedras de Limão e Chá Verde (não, não tenho qualquer patrocínio da Água das Pedras). É a única no mercado que não só não tem açúcar como não tem adoçantes. A Frize tem adoçantes. Mas é sempre melhor fazer a sua limonada com gás do que comprar já feita.
Espero que comecem a fazer as vossas substituições mais saudáveis e deixem definitivamente de lado as porcarias que, apesar de poderem saber bem, só fazem mal.
Se tiverem outras sugestões partilhem comigo, sou toda de ouvidos e a comunidade agradece!

4 comments

  1. Às vezes também faço isso, mas com água sem gás. Fica muito bom e mata o desejo de um refrigerante. Se juntarem umas folhinhas de hortelã então… Uma maravilha!
    Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*