E o ano acabou. É altura de fazer balanços, esboçar planos, criar projectos, desenvolver ideias. Para mim, este ano ficou marcado pela perda de dois membros da nossa família que nos fazem muita falta. Mas foi também um ano em que uma mudança se começou a desenhar. E um ano em que muitas pessoas comeram bolos veganos, fizeram receitas veganas e se tornaram veganas.
E para acabar o ano em cheio, aqui vai uma sobremesa leve, delicada, cremosa, em que o ligeiro sabor a coco abraça o irresistível sabor da baunilha. Uma sobremesa a repetir muitos dias do próximo ano! Bom ano a toda/os!

receita para 4 pessoas
250 ml (ou 1 chávena/xícara) de natas de soja
250 ml (ou 1 chávena/xícara) de leite de coco
80 gr (ou 1/3 de chávena/xícara) de açúcar mascavado (pode usar geleia de arroz)
2 gr de agar-agar em pó
2 colheres de chá de farinha de araruta (pode também usar amido de milho/Maizena)
½ vagem de baunilha
Compota de frutos do bosque (opcional)
Dissolva a farinha de araruta num pouco de leite de coco.
Junte todos os ingredientes numa panela. Para a baunilha, retire as sementes com uma faca e junte-as à mistura na panela, e adicione também a vagem.

Leve ao lume até ferver, mexendo com muita frequência.
Quando começar a ferver (a fazer bolhas grandes), deixe ferver durante 30 segundos, para ter a certeza de que o agar-agar fica completamente dissolvido.
Retire do lume e retire a vagem da baunilha. Coloque em tacinhas e leve ao frigorífico durante 2 horas.


No momento de servir, espalhe uma boa colher de compota no topo de cada panna cotta. Se quiser, pode também juntar fruta fresca.
Delicie-se.
NOTA – se não tiver baunilha, use aroma de baunilha, ou então não use nada porque fica óptimo simples!

1 comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*