Estes crepes são uma variação maravilhosa dos tradicionais canelonni. São cremosos, deliciosos e perfeitos para um almoço de família, leve e sofisticado. São super simples de fazer, embora requeiram algum tempo de preparação. Também pode confeccionar o recheio no dia anterior se estiver com pressa ou sem vontade de cozinhar.

Receita para 2 pessoas

Para o recheio

1 courgette (abobrinha) grande ou 2 pequenas cortadas aos pedacinhos
1 cebola grande
1 dente de alho
½ lata de tomate pelado aos pedaços ou 2 tomates maduros aos pedaços
1 chávena de polpa de tomate
Sal
Pimenta preta
Oregãos

Numa panela, refogue a cebola aos pedaços no azeite até ficar translúcida. Junte o alho e a courgette, salteie e deixe perder a água (aproximadamente 15 mn).

Junte o tomate e a polpa de tomate e tempere com sal e pimenta. Envolva e deixe estufar 15 a 20 mn ou até estar tenro, mexendo de vez em quando. Junte os orégãos no final.

Deixe arrefecer.

Para os crepes (use os copos medidores)

1 copo de farinha
1/2 copo de leite de soja sem açúcar
2/3 copo + 2 colheres de sopa de água
¼ d copo de margarina vegetal derretida (verifique se é vegana)
1 pitada de sal

Misture tudo com um garfo, até ficar cremoso. Leve ao frigorífico 30 mn.

Numa crepière ou numa frigideira larga, aqueça um pouco de óleo e, com um papel absorvente, unte a frigideira como se fosse uma forma.

Com uma concha da sopa, deite a massa na frigideira, que deve estar quente, fazendo-a rodar para a massa chegar a toda a extensão e não ficar muito espessa.

Vire o crepe quando as bordas estiverem douradas e o crepe estiver com bolhas de ar, e deixe fritar do outro lado. Não deixe fritar demais – os crepes devem ficar brancos para poderem ser recheados e enrolados sem quebrar. Eles acabarão a cozedura no forno.

O primeiro crepe normalmente sai mal (o meu primeiro vai sempre para o lixo…), não se preocupe, o segundo vai ser melhor e depois é só ir aperfeiçoando.

Repita este procedimento com toda a massa, empilhando os crepes num prato.

Para o molho béchamel


Veja como fazer na segunda parte desta receita.

Para montar
Pão ralado (integral é o ideal)

Coloque 2 colheres de sopa de recheio no centro do crepe. Enrole.

Numa travessa de ir ao forno, coloque os crepes recheados. Cubra com o béchamel e polvilhe com pão ralado.

Leve ao forno até estar dourado, durante aproximadamente 20 mn.

Passo a passo:


Os crepes enrolados com o recheio.

Cobertura com molho béchamel e pão ralado – mesmo antes de ir para o forno.

Acabadinhos de sair do forno! Miam miam…

Total
5
Shares

6 comments

  1. Já guardei esta receita para experimentar 🙂 Onde posso comprar pão ralado integral? Normalmente só encontro não integral e sempre com a indicação de que pode conter vestígios de ovo e leite. Obrigada

    1. Cara Ana, a indicação “pode conter vestígios de” é um alerta para as pessoas que têm alergias ou são intolerantes a qualquer alimento. Por isso, não significa que o produto em causa contenha esses ingredientes, mas que foi feito numa fábrica com esses ingredientes.
      Pode fazer pão ralado integral em casa, com pão velho. Caso contrário consegue encontrar no supermercado Minipreço, de marca branca.
      Um abraço

  2. Descobri este blog ontem e estou a amar a experiência. Sou ovo-lacto-vegetariana há algum tempo, mas quero eliminar definitivamente algumas coisas da minha alimentação. Aqui encontrei ideias excelentes e estou em pulgas para experimentar esta receita.
    Obrigada pelo blog e pelas partilhas… ah, e já partilhei a experiência! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*
*